As organizações têm a consciência de sua responsabilidade em proteger informações confidencias, mas a maioria das empresas está preocupada somente com a proteção da rede de informática e dos Bancos de Dados, onde suas informações digitais são armazenadas.

Assim, na maioria das empresas, a responsabilidade pela segurança das informações é direcionada para o TI e seu gestor, confiante do seu sistema de proteção. Às vezes, a certificação (NBR ISO/IEC-1779:2001 ou o atual BS ISO 27001:2005) gera uma falsa sensação que as informações confidenciais da empresa e dos seus clientes e parceiros estão devidamente protegidas.

Na realidade, a proteção da rede de informática da empresa deve ser a consequência prévia de uma etapa essencial - a “classificação” das informações de acordo com o risco de sua indevida publicação. Somente depois, devem-se definir os critérios e implantar o sistema de controle de acesso e proteção, com recursos físicos e lógicos.

Em suas atividades, a Moked limita sua ação no ambiente interno do cliente e aplica somente ações defensivas para a sua segurança. As pesquisas cadastrais efetuadas são baseadas em informações disponíveis em bancos de dados públicos, sempre de maneira lícita e usando fontes comprovadamente seguras e idôneas.

Nossos Clientes